Aberto da Eslováquia: Bruna Alexandre é campeã individual da Classe 10

12/05/2016 13:55

Carlos Carbinatti, Israel Stroh, Jennyfer Parinos e Danielle Rauen também vão ao pódio na etapa do Circuito Mundial paralímpico

Da redação, no Rio de Janeiro (RJ) – 12/5/2016

Bruna Alexandre (3ª colocada no ranking mundial da Classe 10) se sagrou campeã individual do Aberto da Eslováquia, etapa fator 40, a mais alta do Circuito Mundial paralímpico. Nesta quinta-feira (12), em Bratislava, ela venceu seus dois jogos restantes pelo grupo único e levou o ouro sem perder sets. A seleção ainda foi ao pódio com os bronzes de Danielle Rauen e Jennyfer Parinos, na Classe 8/9, de Israel Stroh, na 7, e de Carlos Carbinatti, na 10.

Após a conquista, na qual derrotou as australianas Melissa Tapper (4ª) por 3 a 0 (11/7, 11/9 e 12/10) e Andrea Mcdonnel (13ª) pelo mesmo placar (11/4, 11/6 e 11/9), Bruna recordou um duelo pela fase de grupos dos Jogos Paralímpicos de Londres (2012), em que levou a virada e não conseguiu ir às semifinais.

“Desde Londres que eu não enfrentava a Melissa, estava engasgada com aquela derrota por 3 a 2, depois de abrir 2 a 0. Dessa vez, ganhei dela na Eslovênia e agora na Eslováquia, então eu saio daqui com um sentimento muito positivo, já que ela pode ser uma adversária por medalha nos Jogos Paralímpicos do Rio”, comentou a catarinense.

Bruna já havia ido ao pódio individual de uma etapa do Circuito Mundial paralímpico na semana passada, quando levou a prata no Aberto da Eslovênia. Na ocasião, a brasileira foi superada na decisão pela líder do ranking mundial da Classe 10, a chinesa Yang Qian.

Na Classe 8/9, Danielle Rauen (9ª) e Jennyfer Parinos (12ª) pararam nas semifinais e levaram o bronze. A primeira foi superada pela polonesa Karolina Pek (4ª) por 3 sets a 1 (5/11, 11/6, 11/8 e 11/8), enquanto a segunda caiu diante da turca Neslihan Kavas (3ª) também por 3 a 1 (11/7, 11/7, 8/11 e 11/6).

No masculino, Israel Stroh (13º) chegou às semifinais da Classe 7 após conquistar uma grande vitória sobre o espanhol Jordi Morales (5º) em sets diretos, parciais de 11/5, 11/9 e 11/5. Nas semifinais, o brasileiro lutou, mas acabou derrotado pelo ucraniano Maksym Nikolenko (2º) por 3 a 0 (11/7, 11/9 e 11/8).

Carlos Carbinatti (18º) foi mais um mesatenista da seleção a ir ao pódio. Nas semifinais da Classe 10, o paulista parou no austríaco Krisztian Gardos (12º) – 3 a 1 (11/9, 7/11, 11/7 e 11/8) – e também ficou com o bronze.

Welder Knaf (9º) também tinha chances de medalha, mas acabou eliminado nas quartas de final da Classe 3. O paranaense perdeu por W.O. para o francês Florian Merrien (4º).

Eliminações

Os outros dez brasileiros que disputam o Aberto da Eslováquia já haviam se despedido dos torneios individuais na quarta-feira (11). No feminino, Thais Severo (24ª) e Joyce Oliveira (9ª) caíram na fase de grupos das classes 3 e 4, respectivamente.

Entre os homens, Aloisio Lima (10º), na Classe 1, Guilherme Costa (21º) e Iranildo Espíndola (15º), na 2, e Diego Moreira (31º), na 9, foram eliminados nas oitavas de final. David Freitas (27º), Claudiomiro Segatto (15º), Paulo Salmin (15º) e Luiz Filipe Manara (23º) pararam ainda na etapa de grupos.

Disputas por equipes

O Aberto da Eslováquia seguirá ainda nesta quinta com as disputas por equipes. Os brasileiros estarão representados em oito classes: Joyce Oliveira e Thais Severo (Classe 4), Bruna Alexandre, Jennyfer Parinos e Danielle Rauen (8/10), Aloisio Lima e o húngaro Endre Major (1), Iranildo Espíndola e Guilherme Costa (2), Welder Knaf e David Freitas (3), Claudiomiro Segatto e o turco Suleyman Vural (5), Israel Stroh e Paulo Salmin (7) e Carlos Carbinatti, Diego Moreira e Luiz Filipe Manara (10).

A Confederação Brasileira de Tênis de Mesa conta com recursos da Lei Agnelo/Piva (Comitê Olímpico do Brasil e Comitê Paralímpico Brasileiro) – Lei de Incentivo Fiscal e Governo Federal – Ministério do Esporte.

Siga a CBTM nas redes sociais:

FACEBOOK: www.facebook.com/cbtenisdemesa
TWITTER: www.twitter.com/cbtm_tm
INSTAGRAM: @cbtenisdemesa

iDigo | Assessoria de comunicação CBTM
imprensa@cbtm.org.br