Aberto da Eslovênia: Três equipes brasileiras avançam para as semifinais e garantem lugar no pódio

06/05/2016 17:43
Brasil ainda tem representantes nas Classes 2 e 7 masculinos e 10 feminino
 
Da redação, no Rio de Janeiro (RJ) - 6/5/2016
 
Três equipes brasileiras garantiram medalha ao avançarem para as semifinais do Aberto da Eslovênia - etapa fator 40 do Circuito Mundial. Nesta sexta-feira (6), o Brasil terminou o dia com representantes nas Classes 2 e 7 masculinos e 10 feminino. A fase decisiva será realizada neste sábado (7), data de encerramento da competição.
 
Pela Classe 7 masculina, a equipe formada por Israel Stroh (13º colocado na ranking mundial da Classe 7) e Paulo Salmin (15º) está invicta na competição. Nas quartas de final, os brasileiros enfrentaram o tcheco Daniel Horut (12º) e o belga Ben Ashok Despineux (17º) e venceram por 2 jogos a 0. Pela fase de grupos, no grupo C, os mesatenistas derrotaram: os alemães Jochen Wollmert (11º) e Thomas Rau por 2 a 0; os tailandeses Amarit Ruangrund (51º) e Suriyone Thapaeng (55º) por 2 a 0 e o russo Vladimir Anikanov (27º) com o esloveno Luka Trtnik (57º) por 2 a 1.
 
Outro time brasileiro que também está invicto é formado por Bruna Alexandre (3ª colocada no ranking mundial da Classe 10), Danielle Rauen (9ª colocada no ranking mundial da Classe 9) e Jennyfer Parinos (12ª colocada no ranking mundial da Classe 9). Pela Classe 10, o trio superou, na fase de grupos, as turcas Neslihan Kavas (3ª colocada no ranking mundial da Classe 9), Ünran Ertis (7ª colocada no ranking mundial da Classe 10) e Merve Demir (9ª colocada no ranking mundial da Classe 10) por 2 a 0. Além delas, elas bateram Melissa Tapper (4ª) e Andrea McDonnell (13ª), da Austrália, por 2 a 0.
 
Na Classe 2 masculina, a dupla Iranildo Espíndola (15º colocado no ranking mundial da Classe 2) e Guilherme Costa (21º) estão na semifinal do Aberto. Nas quartas, eles superaram o irlandês Colin Judge (31º) e o chileno Luis Bustamante Flores (39º) por 2 a 0. Antes disso, pelo Grupo C, os brasileiros derrotaram o croata Damir Vukovic (48º) e o coreano Sung Joo Park (32º colocado no ranking mundial da Classe 1) por 2 a 0 e foram batidos pelos poloneses Rafal Czuper (5º colocado no ranking mundial da Classe 2) e Tomasz Jakimczuk (24º) por 2 a 0.
 
A dupla Welder Knaf (9º colocado no ranking mundial da Classe 3) e David Freitas (27º) chegaram a avançar para a fase eliminatória, mas não conseguiram se classificar para a semifinal da Classe 3. Nas quartas, os atletas foram derrotados pela dupla Thomas Schmidberger (2º) e Thomas Brüchle (3º), da Alemanha, por 2 a 0. Antes, os brasileiros haviam batido os eslovenos Bojan Lukezic (28º) e Primoz Kancler (39º) por 2 a 0 nas oitavas. Pelo Grupo D, Welder e David venceram os eslovenos Ljubisa Gajic (26º colocado no ranking mundial da Classe 2) e Ivan Lisac por 2 a 0 e perderam para os tchecos Juri Suchanek (7º colocado no ranking mundial da Classe 2) e Petr Svatos (43º colocado no ranking mundial da Classe 3) também por 2 a 0.
 
Outros sete brasileiros participaram da disputa por equipes, mas não conseguiram se classificar na fase de grupos: Joyce Oliveira (9ª colocada no ranking mundial da Classe 4), Thais Severo (24ª colocada no ranking mundial da Classe 3), Aloisio Lima (10º colocado no ranking mundial da Classe 1), Carlos Carbinatti (18º colocado no ranking mundial da Classe 10), Diego Moreira (31º colocado no ranking mundial da Classe 9), Claudiomiro Segatto (15º colocado no ranking mundial da Classe 5), e Luiz Manara (23º colocado no ranking mundial da Classe 8). Confira todos os resultados clicando aqui.
 
Neste sábado, último dia de Aberto da Eslovênia, os confrontos da fase eliminatória por equipes continuam. Confira os duelos dos brasileiros abaixo (horários de Brasília):
 
Classe 2 Masculina
Semifinal - 6h
Brasil x Fabien Lamirault (FRA)/Stephane Molliens (FRA)
 
Classe 7 Masculina
Semifinal - 6h
Brasil x Alvaro Valera (ESP)/Jordi Morales (ESP)
 
Classe 10 Feminina
Semifinal - 9h
Brasil x Sophie Walloe (DEN)/Mirjana Lucic (CRO)
 

A Confederação Brasileira de Tênis de Mesa conta com recursos da Lei Agnelo/Piva (Comitê Olímpico do Brasil e Comitê Paralímpico Brasileiro) – Lei de Incentivo Fiscal e Governo Federal – Ministério do Esporte.

Siga a CBTM nas redes sociais:

FACEBOOK: www.facebook.com/cbtenisdemesa
TWITTER: www.twitter.com/cbtm_tm
INSTAGRAM: @cbtenisdemesa

iDigo | Assessoria de comunicação CBTM
imprensa@cbtm.org.br