Atletas passam por avaliações físicas antes da viagem para Hungria

28/02/2012 14:22

A Seleção Paralímpica de Tênis de Mesa está desde a última sexta-feira concentrada no Centro de Treinamento Nacional da CBTM, no clube Tietê, em São Paulo, se preparando para a disputa do Aberto da Hungria. 

Como parte das atividades, os atletas cadeirantes Ronaldo Souza, Iranildo Espíndola, Guilherme Costa, Ezequiel Babes, Welder Knaf, Joyce Oliveira e Claudiomiro Segatto foram submetidos a uma série de avaliações físicas.

--- Essa preparação está sendo muito importante e a nossa participação nesse evento na Hungria servirá como teste para Londres. Estamos otimistas e confiantes no trabalho que vem sendo realizado --- afirmou Iranildo Espíndola, o Rei das Américas, na foto com o médico Luis Riani, fazendo um teste chamado Ergoespirométrico.

O grupo seguirá nessa quarta-feira para a Europa e a maioria já está classificada para Londres: Iranildo Espíndola e Ronado Souza na Classe 2, Ezequiel Babes na Classe 4, Claudiomiro Segatto na Classe 5, Paulo Salmin na Classe 8 e Carlos Carbinatti na Classe 10.

No Feminino as representantes serão Joyce Oliveira, na Classe 4 e Jane Rodrigues, na Classe 8, além de Bruna Alexandre, que depende ainda de uma indicação técnica para garantir a vaga.

Nesses dias de treinamentos os trabalhos aconteceram em dois períodos e os atletas contaram com apoio do Fisioterapeuta e Classificador Funcional da CBTM Luis Gustavo Amorim, além dos técnicos José Ricardo Rizzone, Celso Toshimi e Joachim Voigt.