Brasil entra no Top-10 do ranking mundial de equipes pela primeira vez na História

28/02/2018 15:37
Equipe brasileira ficou entre os oito melhores na Copa do Mundo e terá pedreiras pela frente no Mundial
 
FOTO DE ARQUIVO: Equipe brasileira comemora na Copa do Mundo – Crédito: ITTF.
 
Rio de Janeiro (RJ), 28 de fevereiro de 2018.
Por: Assessoria de Comunicação - CBTM
 
A fase de avanços no ranking mundial não atinge apenas os jogadores brasileiros individualmente. Na última listagem divulgada pela Federação Internacional de Tênis de Mesa (ITTF), o Brasil aparece pela primeira vez no Top-10 do planeta entre as equipes masculinas. O resultado é histórico e ratifica a evolução do País na modalidade.
 
O Brasil alcança a marca inédita após ficar entre os oito melhores da Copa do Mundo, realizada na última semana em Londres. Depois de passar em primeiro no seu grupo, vencendo Hong Kong (7º na lista) e Estados Unidos, a equipe acabou eliminada nas quartas de final pela Inglaterra, dona da casa, impossibilitando outro feito: a primeira medalha na Copa. Curiosamente, os ingleses estão atrás dos brasileiros na listagem, em 12º lugar. A liderança é da Alemanha, seguida de perto pela China.
 
O resultado e a ascensão dos brasileiros no novo ranking reforçam a confiança de que o Brasil fará um bom papel no Mundial de Equipes, que acontece em Halmstad, na Suécia, entre 29 de abril e 6 de maio.
 
O Brasil, que está no Grupo B, terá adversários bem difíceis. Como rivais, a atual campeã da Copa do Mundo, a China (número 2 do ranking), desponta como favorita ao primeiro lugar num grupo equilibrado. Além dos chineses, só Portugal - oitavo do mundo - tem colocação melhor que o do time brasileiro no bloco. Rússia (15ª) e República Tcheca (18ª) são forças intermediárias. A Coreia do Norte tem ranking modesto (25º lugar) devido ao pouco intercâmbio, mas é reconhecidamente forte. 
 
"Acho que não existe nenhum grupo fácil, todos têm equipes muito fortes. Acredito que a nossa equipe tem condições de disputar as primeiras colocações do Mundial. Fizemos uma boa campanha na Copa do Mundo. O Hugo (Calderano) está com um nível muito bom de jogo. Eu também consegui jogar muito bem esta competição e estou adquirindo um bom ritmo de jogo e o Eric (Jouti) vem evoluindo bastante", disse o brasileiro Gustavo Tsuboi, que fez um alerta sobre os adversários da primeira fase.
 
"A China, com certeza, é muito mais forte do que a gente. Com as outras seleções, podemos jogar de igual para igual. Uma equipe que pode complicar bastante é a Coreia do Norte, pois eles não participam de muitos campeonatos internacionais e tradicionalmente tem bons jogadores", analisou.
 
NO TOP-20 FEMININO
 
Já a equipe feminina do Brasil aparece na 20ª colocação do ranking mundial. Na Copa do Mundo, a equipe brasileira caiu no "grupo da morte", com China e Coreia do Norte, e foi eliminada na primeira fase.
 
O time feminino também estará no Mundial, no qual foi sorteado para o Grupo D. A previsão é de dificuldades para as meninas, pois estão num grupo com três seleções asiáticas. Além disso, quatro das cinco rivais têm melhor ranking que as brasileiras: Hong Kong (4ª do ranking e bronze na Copa do Mundo de Equipes), Coreia do Sul (5ª), Alemanha (11ª) e Tailândia (14ª). A única que fica atrás, a seleção de Luxemburgo, está em 21º, a uma posição do Brasil.
 
 
 
 
CONFIRA O RANKING MASCULINO DE EQUIPES:
 
1º Alemanha – 252 pontos
2º China – 250 pontos
3º Japão – 248 pontos
4º França – 246 pontos
5º Coreia do Sul – 244 pontos
6º Taiwan – 242 pontos
7º Hong Kong – 240 pontos
8º Portugal – 238 pontos
9º Suécia – 236 pontos
10º Brasil – 234 pontos
 
 
CONFIRA O RANKING FEMININO DE EQUIPES:
 
1º China – 228 pontos
2º Japão – 226 pontos
3º Taiwan – 224 pontos
4º Hong Kong – 222 pontos
5º Coreia do Sul – 220 pontos
6º Romênia – 218 pontos
7º Áustria – 216 pontos
8º Singapura – 214 pontos
9º Rússia – 212 pontos
10º Hungria – 210 pontos
20º Brasil – 192 pontos
 
 
A Confederação Brasileira de Tênis de Mesa conta com recursos da Lei Agnelo/Piva (Comitê Olímpico do Brasil e Comitê Paralímpico Brasileiro) - Lei de Incentivo Fiscal e Governo Federal - Ministério do Esporte.

 

FATO&AÇÃO COMUNICAÇÃO

Assessoria de Comunicação da Confederação Brasileira de Tênis de Mesa - CBTM

Claudia Mendes  claudia@fatoeacao.com

Marcio Menezes – marcio@fatoeacao.com

imprensa@cbtm.org.br

fatoeacaocomunicacao@gmail.com

 
 
 
Siga a CBTM nas redes sociais:
 

 Facebook  Twitter  Instagram