Circuito das Estrelas: Menina fã de Calderano vai a ginásio de Chapecó e consegue sair com um 'título'

05/11/2016 17:14
Sara Zatt, de apenas sete anos, afirmou que a admiradora número 1 do mesatenista brasileiro, que sagrou-se campeão do Circuito das Estrelas
 
Alexandre Araújo e José Augusto Assis, em Chapecó (SC) - 05/11/2016
 
Foto: Christian Martinez
 
Sara Zatt tem noves anos, esteve em Chapecó (SC) e saiu do ginásio com um largo sorriso. Mas toda essa felicidade nada teve a ver com pódio ou medalha no peito. A conquista dela foi uma camisa do Hugo Calderano - do Ochsenhausen (ALE) - autografada que, apesar de um tamanho muito maior, ela fez questão de vestir na mesma hora e ficar com ela durante todo o evento. E para conseguir a peça, talvez, tenha sido mais fácil do que muito imaginam.
 
"Eu sou muito, muito fã dele. Quando eu o vi, fui correndo dizer que era a fã número um e que gostava muito dele. Aí ele riu, disse que gostava muito de mim também e me deu a camisa. Eu estou muito feliz. Vou guardar ela para sempre", afirmou a menina, que já sabe o que quer ser no futuro:
 
"Eu quero ser jogadora de tênis de mesa. Vou treinar muito".
 
A paixão pela modalidade veio de família. O pai, João Batista Zatt, praticou tênis de mesa e chegou a atuar nos Jogos Abertos de Santa Catarina. Quando soube que o Campeonato Brasileiro SAN-EI de Verão e o Circuito das Estrelas - Etapa Biriba seriam disputados em Chapecó, onde ele mora, nem pensou duas vezes.
 
"Eu tinha de vir ver o Circuito das Estrelas de perto, não é? Sou fã de tênis de mesa e cheguei a participar de campeonatos aqui no Sul na década de 80. E, agora, ela está gostando também. Ele adorou assistir à Rio 2016 e, desde então, só fala do Calderano", disse. 
 
E nem mesmo após o título de Hugo Calderano, Sara desistiu de ficar mais tempo com o ídolo. Ela ainda tirou uma foto ao lado dele e deu mais um abraço, parabenizando pela conquista. Ela ainda engatinha com a raquete nas mãos, mas o tênis de mesa já parece dar asas à pequena. 
 

A Confederação Brasileira de Tênis de Mesa conta com recursos da Lei Agnelo/Piva (Comitê Olímpico do Brasil e Comitê Paralímpico Brasileiro) – Lei de Incentivo Fiscal e Governo Federal – Ministério do Esporte.

Siga a CBTM nas redes sociais: 

FACEBOOK: www.facebook.com/cbtenisdemesa
TWITTER: www.twitter.com/cbtm_tm
INSTAGRAM: @cbtenisdemesa

iDigo | Assessoria de comunicação CBTM
imprensa@cbtm.org.br