Copa Brasil: Finais emocionantes e 'figurinha repetida' marcam o último dia de competição

09/10/2016 13:00
Juninho levou Absoluto A Masculino, enquanto Rodrigo Yonesake o Juvenil. No Feminino, Alexia Nakashima foi o grande destaque, com ouro no Juvenil e Absoluto A
 
Alexandre Araújo, em Toledo (PR) - 09/10/2016
 
Fotos: Christian Martinez
 
A Copa Brasil Sul-Sudeste II - Toledo chegou ao fim neste domingo (9), com grandes confrontos, finais emocionantes, título inédito e 'figurinha repetida' no pódio. No Absoluto A Masculino, Humberto Manhani Júnior conquistou o ouro, enquanto Alexia Nakashima levou a melhor no Absoluto A Feminino e também foi a vencedora no Juvenil Feminino. Já no Juvenil Masculino, Rodrigo Yonesake ficou com o título.
 
No começo de novembro, a etapa de verão do Campeonato Brasileiro acontecerá em Chapecó, Santa Catarina, e contará com diversos atletas das instituições de todo o Brasil.
 
Juninho (FME Criciúma-SC), como é conhecido, enfrentou Danilo Toma (Fundação Municipal de Esportes de Concordia - SC) na final do Absoluto A Masculino e, em jogo equilibrado, venceu por 3 sets a 1 (11/5; 3/11; 11/8 e 11/6). 
 
"Estou super contente de ter conseguido essa vitória. Eu sabia que não teria partida fácil no Absoluto A, mas desde a fase de grupos consegui fazer bons jogos e ser campeão em uma final contra o Danilo Toma, que é um adversário muito forte. Agora, é continuar essa preparação, continuar treinando para conseguir um bom resultado no Brasileiro também", disse ele, apontando o que acredita ter sido o diferencial no confronto decisivo:

 
"Consegui manter o foco por um bom tempo. Isso faz com que o jogo flua melhor. Tênis de mesa é assim, um descuido muda tudo. A gente já se conhece há muito tempo, treinamos juntos".
 
A jovem Alexia Nakashima (Associação Joinvilense de Tênis de Mesa - SC) encarou a experiente Lígia Silva (Fundação Municipal de Esportes de Concordia - SC) e triunfou por 3 sets a 0 (11/6; 11/8 e 11/8). Já para garantir o ouro no Juvenil Feminino, a atleta teve de passar Luana Katsumata (Associação Nova Era de Tênis de Mesa-SP), que foi a campeã do Absoluto B Feminino.
 
Para levar os dois títulos, Alexia enfrentou uma verdadeira maratona entre compromissos pelas duas categorias, tendo jogado seis partidas.
 
"Acho que o que pesa mais é o lado psicológico porque acaba sendo um jogo atrás do outro e você praticamente não sai da área de jogo. Então, é mais preparação mental que física mesmo. A final do Absoluto A foi contra a Ligia, que é uma atleta muito experiente, e ter jogado bem contra ela, me deixa feliz. Estou sem palavras", ressaltou.
 
E depois dos dois ouros na Copa Brasil Sul-Sudeste II - Toledo, Alexia está ainda mais animada para enfrentar as competições que terá pela frente.
 

"Toda vitória é muito importante. A gente se empolga mais ainda, se motiva ainda mais para continuar treinando. Venho esse ano de resultados muito bons, desde o Sul-Americano, Brasileiro... Então, quero manter esse nível", avisou.
 
Para chegar ao lugar mais alto do pódio no Juvenil Masculino, Rodrigo Yonesake (São Caetano / SEEST / XIOM - SP) bateu Vitor Bibiano (Associação Chapecoense-SC) por 3 sets a 1 (11/9 ; 5/11; 11/8 e 12/10). 
 
"Foi muito positivo para mim. Queria muito levar esse título e consegui jogar meu melhor. No começo, não entrei muito bem, mas esse último dia, para mim, foi sensacional. Vou continuar firme, treinando cada dia mais intenso para ter um resultado bom no Brasileiro. Nunca fui campeão brasileiro e quero ser. Além de ser meu último Brasileiro como Juvenil, então, vou muito focado", garantiu Rodrigo.
 
Veja outros resultados da Copa Brasil Sul-Sudeste II - Toledo clicando aqui.
 

A Confederação Brasileira de Tênis de Mesa conta com recursos da Lei Agnelo/Piva (Comitê Olímpico do Brasil e Comitê Paralímpico Brasileiro) – Lei de Incentivo Fiscal e Governo Federal – Ministério do Esporte.

Siga a CBTM nas redes sociais:

FACEBOOK: www.facebook.com/cbtenisdemesa
TWITTER: www.twitter.com/cbtm_tm
INSTAGRAM: @cbtenisdemesa

iDigo | Assessoria de comunicação CBTM
imprensa@cbtm.org.br