Copa Brasil: Rafael Rocha faz campanha emocionante e fatura o Absoluto C

12/06/2016 13:53
De seis partidas disputadas pelo atleta, quatro terminaram com o placar de 3 a 2
 
Matheus Quelhas e José Augusto Assis, de Piracicaba (SP) - 12/6/2016
 
Rafael Rocha (Clube de Tênis de Mesa de Jacareí - SP) faturou a medalha de ouro, após campanha emocionante na categoria Absoluto C na segunda edição da Copa Brasil 2016, em Piracicaba (SP). De seis jogos disputados pelo campeão, quatro terminaram em 3 a 2 e a final não poderia ser diferente. Neste domingo (12), o atleta superou Júlio Correia (Pro Tênis de Mesa - Joaçaba - SC) por 3 a 2, com parciais de 4/11, 11/4, 11/7, 6/11 e 11/6. 
 
"No grupo, eu joguei contra ele. Cheguei a colocar 2 a 0 naquela partida, mas ele conseguiu virar. Para a final, eu dei um gás a mais para obter a vitória. Agradeço também ao meu técnico Júnior, que me deu muita confiança durante o campeonato", declarou o campeão, que perdeu o confronto contra Júlio pela fase de grupos por 3 a 2 (6/11, 10/12, 12/10, 11/7 e 11/6).
 
Mas mesmo com uma grande vitória final, para Rafael a partida mais emocionante aconteceu também pela fase incial. Diante de Daniel Peterossi (Jundiaí/OSJ Esportes/UCEG/Xiom-JUC-SP), o medalhista de ouro ficou em situação extremamente complicada, mas conseguiu superar as adversidades.
 
"O jogo mais emocionante que tive foi contra o Peterossi, quando eu consegui uma virada que ninguém esperava. No quarto set estava 8 a 1 para ele, busquei, mas estava perdendo por 10 a 5 e consegui uma virada. A partir daí, eu acertei umas bolas que nem eu achava que acertaria", contou.
 
Depois do título na categoria Absoluto C e da medalha de prata no Rating F, Rafael quer mais. Ele tem o objetivo de ser campeão brasileiro e está treinando muito para conseguir tal feito no Campeonato Brasileiro de Verão, marcado para Bento Golçalves (RS), no início de novembro.
 
"Eu estou focado em ser campeão brasileiro, estou treinando bastante para isso. Provavelmente, com os pontos conquistados aqui eu vou subir no ranking e devo disputar o nacional no final do ano já pelo Absoluto B. Eu quero muito ganhar, esse é o meu maior objetivo", projetou.
 
Antônio Pereira (ASMETT Brasília - DF), que perdeu para o campeão por 3 a 0 (11/8,11/7 e 11/9), e Eduardo Britto (Jundiaí/OSJ-Esportes/Uceg/Xiom/Juc- SP), que foi superado pelo Júlio por 3 a 2 (5/11, 11/8, 11/9, 7/11 e 11/4), ficaram com a medalha de bronze.
 
Confira todos os resultados finais da Copa Brasil clicando aqui.
 

A Confederação Brasileira de Tênis de Mesa conta com recursos da Lei Agnelo/Piva (Comitê Olímpico do Brasil e Comitê Paralímpico Brasileiro) – Lei de Incentivo Fiscal e Governo Federal – Ministério do Esporte.

Siga a CBTM nas redes sociais: 

FACEBOOK: www.facebook.com/cbtenisdemesa
TWITTER: www.twitter.com/cbtm_tm
INSTAGRAM: @cbtenisdemesa

iDigo | Assessoria de comunicação CBTM