Copa Pan-Americana: técnicos confiam em boa campanha da delegação brasileira

27/07/2017 11:37

Hugo Hoyama e Francisco Arado ressaltam liderança verde e amarela em competições sul-americanas

Da redação, no Rio de Janeiro (RJ) - 27/07/2017

Foto: Christian Martinez / RGB Studios / CBTM

A Copa Pan-Americana (antiga Copa Latino-Americana) começa a ser disputada nesta sexta-feira (28) com a presença de quatro brasileiros: Lin Gui, Caroline Kumahara, Eric Jouti e Gustavo Tsuboi. A novidade para essa edição fica pela inclusão das delegações dos Estados Unidos e Canadá no torneio. Apesar disso, os treinadores Francisco Arado e Hugo Hoyama, que vão acompanhar o Brasil , estão confiantes em uma boa campanha brasileira em San José, na Costa Rica.
 
"A expectativa é que a gente conquiste títulos lá. Se as duas (Lin e Caroline) quiserem trazer medalhas nos Jogos Pan-Americanos de 2019, esse campeonato é um primeiro passo importante até lá. Temos de aproveitar esses torneios para ir pegando ritmo de jogo contra essas adversárias, pois quanto mais a gente joga contra essas meninas, mais poderemos estudar e ver o estilo de jogo de cada uma", disse o treinador da seleção feminina, Hugo Hoyama.
 
O campeonato intercontinental vai ser disputado por 32 atletas (16 em cada naipe) e vai valer vaga para a Copa do Mundo de cada gênero deste ano. Paco, como é conhecido Francisco Arado, acredita que Tsuboi e Jouti têm condições de atingir o objetivo principal: um lugar no torneio mundial.
 
"O Brasil tem evoluído muito seu nível e tem mantido uma boa liderança no continente americano, acho que temos condições de continuar assim e de conseguir o objetivo que é classificar para a Copa do Mundo", ressaltou Paco.
 
Esse é o primeiro ano em que atletas dos Estados Unidos e Canadá vão disputar a copa ao lado dos mesatenistas latino-americanos. No masculino, os canadenses Bryan Ho e Edward Ly e os estadunidenses Adar Alguetti e Kanak Jha serão os primeiros dos dois países a disputar a copa. Já no feminino, Mo Zhang e Alicia Cote, ambas do Canadá, e Yue Wu e Lily Zhang, dos Estados Unidos, podem aparecer no caminho das brasileiras.
 
Para Francisco Arado, a presença dos dois países no torneio eleva o nível da competição:
 
"Com certeza o nível aumenta. pois são países que têm bons jogadores. Mas, acredito que temos que ter atenção com todos os adversários também".
 
A Copa Pan-Americana, que começa nesta sexta-feira (28), segue até domingo (30). O torneio classifica duas atletas no feminino para a Copa do Mundo, que vai ser realizada em outubro, em Markham, no Canadá, e dois mesatenistas para o torneio mundial masculino, também em outubro, em Liege, na Bélgica.
 
A Confederação Brasileira de Tênis de Mesa conta com recursos da Lei Agnelo/Piva (Comitê Olímpico do Brasil e Comitê Paralímpico Brasileiro) – Lei de Incentivo Fiscal e Governo Federal – Ministério do Esporte.
 

Siga a CBTM nas redes sociais:

FACEBOOK: www.facebook.com/cbtenisdemesa
TWITTER: www.twitter.com/cbtm_tm
INSTAGRAM: @cbtenisdemesa

iDigo | Assessoria de comunicação CBTM
imprensa@cbtm.org.br