Copa Tango: Delegação brasileira termina torneio individual com 10 medalhas de ouro

22/11/2017 11:36

Ao todo, grupo verde e amarelo conquistou 23 medalhas nesta primeira etapa da competição

Da redação, no Rio de Janeiro (RJ) - 22/11/2017

Foto: ITTF

A delegação brasileira terminou os torneios individuais da Copa Tango com resultados bastante positivos. O grupo verde e amarelo conquistou um total de 23 medalhas, sendo 10 ouros, três pratas e 10 bronzes.

Carla Maia, na Classe 2; Thais Severo, Classe 3-5; Elem Silva, Classe 7-10; Aloisio Freitas, Classe 1; Guilherme Costa, Classe 2; David Freitas, Classe 3; Paulo Salmin, Classe 7; Francisco Wellington de Melo, Classe 8; Diego Moreira; Classe 9; e Carlos Carbinatti, na Classe 10, chegaram ao lugar mais alto do pódio.

Goutier Rodrigues, na Classe 6 masculina, Alexandre Ank, Classe 4, e Alexandre Alfon, na Classe 10, ficaram com a prata.

Na classe 2 masculina, Iranildo Espíndola e Lacrodaire Menezes ficaram com o bronze, assim como Ivan Freitas e Ecildo Oliveira, na Classe 4. Na Classe 3, Jean Carlos Padilha ficou com a terceira colocação, mesma posição de Gerson Hintz na Classe 5. Luiz Manara, na Classe 8, Flavio Alberto Conceição e Erik Higa, na Classe 9, e Basilio Fernando Oliveira, na Classe 10, também chegaram ao pódio como terceiro colocado.

Carla Maia conquistou a primeira colocação no torneio individual feminino Classe 2 ao ter 100% de aproveitamento no grupo, onde venceu a também brasileira Juliana Cristina da Silva e a argentina Constanza Garrone.  Já Elem da Silva levou o ouro na Classe 7-10. Ela derrotou as também brasileiras Simone Vieira e Aline Ferreira e deixou para trás a argentina Ailen Frutos.  

Thais Severo, na final da Classe 3-5, bateu a chilena Tamara Isabel Leonelli, enquanto, na decisão da Classe 2 masculina, Guilherme Costa derrotou o também chileno Luis Flores.

Aloisio Freitas ficou com a primeira colocação no grupo único da Classe 1 e garantiu o ouro. Na Classe 3, David Freitas derrotou o argentino Gabriel Copola, garantindo o topo do pódio. Quem também derrotou um argentino na final foi Paulo Salmin, que bateu Aleksy Nicolas Kaniuka e levou o ouro na Classe 7.

Já Francisco Wellington de Melo, na decisão da Classe 8, derrotou o equatoriano David Bernardo Corral. Diego Moreira superou o chileno Manuel Felipe Farias na Classe 9.

Na Classe 10, Carlos Carbinatti ficou com o ouro ao vencer as quatro partidas que teve no grupo único. Alexandre Alfon ficou com a segunda posição e Basilio Fernando Oliveira com a terceira.

Na Classe 6 masculina, coom duas vitórias e uma derrota, Goutier Rodrigues ficou com a prata. Na Classe 4, Alexandre Ank acabou perdendo a final para o chileno Cristian Ivan Astete.

Nesta quarta-feira, vão começar os torneios por equipes. 
 

A Confederação Brasileira de Tênis de Mesa conta com recursos da Lei Agnelo/Piva (Comitê Olímpico do Brasil e Comitê Paralímpico Brasileiro) – Lei de Incentivo Fiscal e Governo Federal – Ministério do Esporte.

Siga a CBTM nas redes sociais:

FACEBOOK: www.facebook.com/cbtenisdemesa
TWITTER: www.twitter.com/cbtm_tm
INSTAGRAM: @cbtenisdemesa

Assessoria de comunicação CBTM
imprensa@cbtm.org.br