Em intercâmbio na Dinamarca, aprendizado de Bruna Takahashi vai muito além do tênis de mesa

23/02/2017 10:57

Esta é a primeira vez que a jovem viaja sem nenhum membro da comissão técnica brasileira e celebra companhia de Lin Gui

Da redação, no Rio de Janeiro (RJ)

Foto: ITTF e reprodução internet

A jovem Bruna Takahashi está em Stagelse, na Dinamarca, onde realiza um período de treinamentos. Porém, as experiências no Velho Continente estão indo muito além do tênis de mesa. Com 16 anos, esta é a primeira vez que ela viaja sem um integrante da comissão técnica da seleção brasileira, o que tem imposto alguns pequenos desafios, como até mesmo dar uma de chef de cozinha na casa que divide com mais dez pessoas.

Companheira de Bruna na seleção brasileira e com quem conviveu intensamente durante os Jogos Olímpicos Rio 2016, Lin Gui, que também está na Dinamarca realizando uma temporada de exercícios, tem sido uma aliada neste tempo longe de casa.
 
"A Lin está me ajudando muito! É muito bom que ela esteja aqui comigo. Ela é quem está cozinhando por esses dias e isso é muito bom, porque não sei cozinhar muito bem (risos). Tive de aprender algumas coisas por aqui", disse a atleta, que completou:
 
"Já aprendi a fazer ovo mexido, frango, macarrão... Isso é o que vou ter de fazer para me virar no final de semana quando a Lin estiver em Portugal, jogando pelo clube dela (risos). Além disso, estou limpando a casa, arrumando as coisas e tendo mais responsabilidades, isso é muito bom para o lado pessoal também".
 
Bruna chegou a Dinamarca através de um convite de He Keyi, treinador chinês que já trabalhou com Jean-René (responsável pelo planejamento dos atletas da seleção brasileira) e Francisco Arado, o Paco, técnico da jovem no São Caetano. Lá, ela está tendo a companhia também de Melek Hu, chinesa naturalizada turca e que é a atual campeã europeia.
 
"Está sendo muito bom para mim! Os treinos aqui são intensos, pesados e nos deixam bem cansadas, mas está sendo muito proveitoso. Sinto que estou melhorando bastante", afirma.
 
Logo após o fim desta passagem, a jovem, atual número 173 do mundo, continuará na Europa. Ela participará do Aberto da Bielorrússia - etapa Challenge, que acontecerá entre os dias 15 de 19 de março. Até o momento, a competição contará também com o brasileiro Eric Jouti.
 
"Na Bielorrússia, quero dar o meu melhor.  Quero estar concentrada para mostrar o meu máximo para ver se chego lá na frente, em uma final quem sabe. Assim, posso subir umas posições no ranking", concluiu.

A Confederação Brasileira de Tênis de Mesa conta com recursos da Lei Agnelo/Piva (Comitê Olímpico do Brasil e Comitê Paralímpico Brasileiro) – Lei de Incentivo Fiscal e Governo Federal – Ministério do Esporte.

Siga a CBTM nas redes sociais:

FACEBOOK: www.facebook.com/cbtenisdemesa
TWITTER: www.twitter.com/cbtm_tm
INSTAGRAM: @cbtenisdemesa

iDigo | Assessoria de comunicação CBTM
imprensa@cbtm.org.br