Estreante como treinador, Hugo Hoyama vê atletas brasileiras confiantes para Rio 2016

28/07/2016 12:17

O ex-atleta, que já disputou seis Jogos Olímpicos, é o técnico de Caroline Kumahara, Lin Gui e Bruna Takahashi, representantes do Brasil na edição do Rio de Janeiro

 

Da redação, no Rio de Janeiro - 28/07/2016
O técnico da seleção brasileira feminina, Hugo Hoyama, fez um balanço positivo do período de treinamento da equipe feminina para os Jogos Olímpicos Rio 2016. O ex-atleta, que participará dos Jogos Olímpicos como treinador pela primeira vez, afirma que as brasileiras - Caroline Kumahara, Lin Gui e Bruna Takahashi - estão seguras para a competição.
“Eu vejo elas animadas e confiantes para renderem o melhor nos jogos. Treinaram firme, se atentaram no que poderiam melhorar e aperfeiçoaram ainda mais o que já têm de forte”, analisou o recordista de medalhas nos Jogos Pan-Americanos.
Apesar de ser um estreante como treinador, Hoyama sabe como é estar em Jogos Olímpicos. O multicampeão é o atleta brasileiro que mais vezes disputou a competição na modalidade com 6 participações: Barcelona (1992), Atlanta (1996), Sydney (2000), Atenas (2004), Pequim (2008) e Londres (2012).
Com esse currículo, o treinador tem ideia de como é a ansiedade nos dias que antecedem o maior evento esportivo do mundo e, na sua opinião, essa expectativa deve ser usada a favor para se ter um bom desempenho.
“É difícil segurar a ansiedade, é o normal de todo atleta que participa de uma Olimpíada. O importante é sentir uma ansiedade positiva e usar aquele friozinho na barriga para se preparar para lutar pelos objetivos”, contou Hoyama.
Outro fator é importante na preparação dos atletas para os Jogos Olímpicos: a família. Por esse motivo, o treinamento que antecede a Rio 2016 teve uma parte realizado no estado de São Paulo, onde as representantes do Brasil foram criadas.
“Decidimos treinar em São Caetano do Sul para as atletas ficarem próximas de suas famílias. Isso é muito importante para elas e partir para os jogos saindo de casa, com certeza, ajudará na motivação e na confiança”, afirmou o treinador.
O treinamento da seleção no interior paulista será realizado até este sábado (30). Dois dias depois, os representantes do país darão entrada na Vila Olímpica. Para Hugo Hoyama, lá também será local de preparação.
“Na Vila, nós manteremos a rotina de treinos e vamos fazer isso até a estreia. Isso vai nos manter focados para entrar no primeiro jogo com a maior concentração possível”, finalizou.
 

A Confederação Brasileira de Tênis de Mesa conta com recursos da Lei Agnelo/Piva (Comitê Olímpico do Brasil e Comitê Paralímpico Brasileiro) – Lei de Incentivo Fiscal e Governo Federal – Ministério do Esporte.

Siga a CBTM nas redes sociais:

FACEBOOK: www.facebook.com/cbtenisdemesa
TWITTER: www.twitter.com/cbtm_tm
INSTAGRAM: @cbtenisdemesa

iDigo | Assessoria de comunicação CBTM
imprensa@cbtm.org.br