Gui Lin vive a expectativa de fazer sua estreia como brasileira

12/06/2012 17:53

Depois de conseguir sua naturalização, Gui Lin está prestes a realizar mais um sonho: vestir a camisa da Seleção e representar o país em uma etapa do Circuito Mundial promovida pela ITTF.

Esse desejo se tornará realidade a partir dessa quarta-feira quando começam as disputas do Aberto do Brasil, na Arena Santos, no litoral de São Paulo.

--- Estou muito feliz e não vejo a hora de entrar e jogar --- afirmou a atleta, que na tarde dessa terça-feira foi fazer um reconhecimento da área de jogo e participou de uma entrevista coletiva com os demais atletas da Seleção.

A chinesa chegou ao Brasil aos 12 anos para um intercâmbio estudantil. Começou a estudar e se instalou em São Bernardo do Campo, onde conheceu Hugo Hoyama, que viu talento na menina e desde então passou a ser seu treinador.

Após um longo processo, Gui Lin conseguiu sua naturalização e acabou sendo indicada pelos técnicos da Seleção para formar a equipe com Lígia Silva e Caroline Kumahara nos Jogos Olímpicos de Londres.

Fá de churrasco e torcedora do Palmeiras, a atleta está totalmente adaptada e antes de se tornar cidadã brasileira defendia o Brasil em etapas do Circuito Mundial Juvenil, tendo conquistado seu melhor resultado no Aberto da Itália, no Torneio de Duplas com Caroline Kumahara.