Hugo Calderano estreia contra atleta de Taipei no individual do Aberto da Coreia do Sul

18/07/2018 14:17

Jogo será na madrugada de sexta-feira. Caso vença, brasileiro poderá enfrentar seu companheiro de duplas nas oitavas

FOTO DE ARQUIVO: Hugo Calderano estreia no individual do Aberto da Coreia. Crédito: ULTM

 

Daejeon (KOR), 18 de julho de 2018.

Por: Assessoria de Comunicação - CBTM

O brasileiro Hugo Calderano já sabe quem será seu adversário de estreia no torneio individual do Aberto da Coreia do Sul, em Daejeon, competição nível platinum do Circuito Mundial, equivalente ao Grand Slam do tênis de mesa. Ele enfrentará Chen Chien-An, de Taipei, na madrugada de sexta-feira (20), à 1h30 (horário de Brasília). Caso vença, Calderano joga as oitavas de final algumas horas depois, às 7h40, contra o vencedor do confronto entre o francês Simon Gauzy e o sul-coreano Cho Seungmin.

O adversário de estreia é o 31° colocado no ranking mundial. Na última terça-feira, Calderano foi eliminado do torneio de duplas. Ele jogou com Simon Gauzy (que pode ser o seu adversário nas oitavas de final do individual), e perdeu para a dupla formada pelos chineses Liang Jingkun e Yan An, por 3 a 0 (4/11, 8/11 e 5/11).

O Aberto da Coreia do Sul é a primeira oportunidade de ver Calderano em ação após alcançar o Top-10 mundial. Ele foi confirmado na décima colocação no ranking mundial no início do mês, após vencer a Copa Pan-Americana, no Paraguai, garantindo vaga na Copa do Mundo.

Esta é a primeira competição do brasileiro após pequenas férias, de apenas dez dias. Imediatamente depois deste torneio, encara o Aberto da Austrália, outra etapa nível platinum do Circuito Mundial.

Antes de seguir para a Coreia do Sul, Calderano mostrou-se animado e prometia dar trabalho aos adversários na primeira competição do segundo semestre.

“Depois da Copa Pan-Americana, tive alguns dias de descanso no Brasil e voltei aos treinos na Alemanha. Ainda não estou no meu auge físico, mas me sentindo bem e pronto para jogar no meu melhor nível na Coreia do Sul e na Austrália”, disse o brasileiro.

 

A Confederação Brasileira de Tênis de Mesa conta com recursos da Lei Agnelo/Piva (Comitê Olímpico do Brasil e Comitê Paralímpico Brasileiro) - Lei de Incentivo Fiscal e Governo Federal - Ministério do Esporte.
 

FATO&AÇÃO COMUNICAÇÃO

Assessoria de Comunicação da Confederação Brasileira de Tênis de Mesa - CBTM

Claudia Mendes – claudia@fatoeacao.com

Nelson Ayres – nelson@fatoeacao.com

imprensa@cbtm.org.br

fatoeacaocomunicacao@gmail.com

                                                         

Siga a CBTM nas redes sociais:
 
FACEBOOK:
 www.facebook.com/cbtenisdemesa

TWITTER: www.twitter.com/cbtm_tm

INSTAGRAM: @cbtenisdemesa