Jogos Paralímpicos Universitários: Santa Catarina tem boa atuação e leva três ouros na competição

12/12/2016 13:59
Representantes do Estado fizeram todas as finais nas disputas masculinas de Classes 6-10
 
Da redação, no Rio de Janeiro (RJ) - 12/12/2016

Foto:Alexandre Urch/CPB/MPIX
 
Santa Catarina foi o grande destaque do tênis de mesa nos Jogos Paralímpicos Universitários, que aconteceram no último fim de semana, no centro de treinamento paralímpico, em São Paulo. Representantes de instituições do Estado conseguiram o lugar mais alto do pódio na disputa individual, de duplas e por equipes nas categorias masculinas de Classes 6 a 10. 
 
No torneio individual, o grande campeão foi Ramon Colombo da Silva, da Universidade do Extremo Sul Catarinense. Após a fase de grupos, Ramon encarou Victor Bernardo Cardillo, da Associação de Educação Santa Rita de Cássia (SP), na semifinal e venceu por 3 sets a 0 (11/2; 11/3 e 11/9). Na final, teve pela frente outro representante de Santa Catarina, Gustavo Laskosky, da Univille, e conseguiu novo triunfo por 3 sets a 0 (11/5; 12/10 e 11/5).
 
Nas duplas Classes 6-10, o lugar mais alto do pódio ficou com a parceria formada entre Ivo Solanho, Universidade do Contestado, e Ramon Colombo da Silva, da Universidade do Extremo Sul Catarinense, ambos de Santa Catarina A. Na semifinal, ele pegaram o time São Paulo A, de Victor Bernardo Cardillo (Associação de Educação Santa Rita de Cássia) e Jonathan Nunes (UNISUZ / UNIESP) e venceram por 2 a 0 (11/2 e 11/3).
 
No outro jogo que decidia vaga na decisão de duplas, Santa Catarina B, Gustavo Alexandre Laskosky (Univille) e Sergio Ofugi (Unopar - Universidade Norte do Paraná) pegou São Paulo B , de Diego Henrique Moraes Barbosa e Murilo Nagy Santana, os dois da Faculdade do Clube Náutico Mogiano, e triunfou por 2 a 0 (11/2 e 11/7). Na final, Santa Catarina A bateu Santa Catarina B por 2 a 0 (11/8 e 11/4).
 
Na disputa por equipes, novamente melhor para Santa Catarina A - Ivo Solanho, Universidade do Contestado, e Ramon Colombo da Silva, da Universidade do Extremo Sul Catarinense. Na semifinal, eles bateram São Paulo B, de Diego Henrique Moraes Barbosa e Murilo Nagy Santana, os dois da Faculdade do Clube Náutico Mogiano, por 3 jogos a 0 (2x0; 2x0 e 2x0). 
 
Santa Catarina B, Gustavo Alexandre Laskosky (Univille) e Sergio Ofugi (Unopar - Universidade Norte do Paraná), venceu São Paulo A de Victor Bernardo Cardillo (Associação de Educação Santa Rita de Cássia) e Jonathan Nunes (UNISUZ / UNIESP) também por 3 a 0 (2x0; 2x0 e 2x0). Na final, outro encontro entre equipes de Santa Catarina e um jogo muito equilibrado, mas melhor para Santa Catarina A, que triunfou por  3 a 2 (2x0; 2x1; 0x2; 0x2 e 2x0).
 
Mais resultados dos Jogos Paralímpico Universitários podem ser conferidos neste link.

A Confederação Brasileira de Tênis de Mesa conta com recursos da Lei Agnelo/Piva (Comitê Olímpico do Brasil e Comitê Paralímpico Brasileiro) – Lei de Incentivo Fiscal e Governo Federal – Ministério do Esporte.

Siga a CBTM nas redes sociais:

FACEBOOK: www.facebook.com/cbtenisdemesa
TWITTER: www.twitter.com/cbtm_tm
INSTAGRAM: @cbtenisdemesa

iDigo | Assessoria de comunicação CBTM