Lá Fora: Após brilharem no torneio por equipes, Rússia conquista títulos individuais infantis no Campeonato Europeu da Juventude

18/07/2016 19:53

No torneio individual juvenil, Adina Diaconu, que foi companheira da olímpica Bruna Takahashi no Aberto da Eslovênia, faturou o ouro; francês Alexandre Cassin foi o campeão no masculino

Da redação, no Rio de Janeiro (RJ) - 18/7/2016

A Rússia voltou a dominar no torneio infantil do Campeonato Europeu da Juventude, que foi disputado em Zagreb, na Croácia. O país já havia faturado os títulos por equipes na categoria e, neste domingo (17), os russos Vladimir Sidorenko (4º colocado no ranking mundial da categoria) e Maria Tailakova (5ª) triunfaram nas disputas individuais.

No torneio masculino, Sidorenko fez uma final acirrada contra o sueco Truls Moregardh (5º). O russo venceu de virada por 4 sets a 3, com parciais de 7/11, 10/12, 11/8, 5/11, 11/5, 11/5 e 11/9. Na semifinal, o cenário havia sido diferente. O campeão bateu o italiano Carlo Rossi (13º) por 4 a 0 (11/4, 11/8, 11/5 e 11/7).

A Rússia fez uma final caseira entre Tailakova e a sétima do mundo, Kristina Kazantseva. Na decisão, a número 5 do mundo levou a melhor e superou a sua compatriota por 4 a 1 (11/9, 7/11, 12/10, 14/12 e 11/9). No jogo anterior, a medalhista de ouro teve uma partida complicada contra Chuyi Zhou (28ª), do Azerbaijão, que terminou em vitória para a russa pelo placar de 4 a 3 (11/9, 9/11, 11/4, 9/11, 8/11, 11/8 e 11/9).


Adina Diaconu e Alexandre Cassin faturam o ouro nos torneios individuais juvenis

A romena Adina Diaconu, número 13 no ranking juvenil, conquistou a medalha de ouro no torneio individual juvenil pela segundo ano consecutivo. A atleta - dupla da brasileira Bruna Takahashi (20ª) no Aberto da Eslovênia, realizado em junho - enfrentou Jing Ning, do Azerbaijão, na final e a derrotou por 4 a 0, com parciais de 11/8, 11/7, 12/10 e 11/8. Na semifinal, a russa bateu a espanhola Xuan Xu Zhang (28ª) por 4 a 3 (11/6, 12/10, 11/6, 9/11, 5/11, 6/11 e 11/3).

No masculino, o francês Alexandre Cassin (5º) conquistou o título ao superar o austríaco Andreas Levenko (20º) por 4 a 0 (11/1, 11/9, 11/4 e 11/8). No jogo que valeu a vaga para a decisão, o francês enfrentou o tcheco Tomas Polansky (13º) e o derrotou por 4 a 1, com parciais de 11/13, 11/3, 11/7, 11/9 e 13/11.

Confira os resultados das outras finais:

Infantil (duplas)

Feminino

Anastasia Kolish (RUS)/Kristina Kazantseva (RUS) 1 x 3 Tania Plaian (ROU)/ Ekaterina Zironova (RUS)

Masculino

Maciej Kolodziejczyk (AUT)/ Vladislav Ursu (MDA) 3 x 1 Truls Moregardh (SWE)/ Martin Friis (SWE)

Mistas

Vincent Picard (FRA)/Prithika Pavade (FRA) 1 x 3 Lev Katsman (RUS)/ Kristina Kazantseva (RUS)

Juvenil (duplas)

Feminino

Lisa Lung (BEL)/Eline Loyen (BEL) 3 x 2 Adina Diaconu (ROU)/ Andreaa Dragoman (ROU)

Masculino

Tobias Hippler (GER)/Nils Hohmeier (GER) 3 x 1 Daniele Pinto (ITA)/ Antonino Amato (ITA)

Mistas

Tomas Polansky (CZE)/Tin Tin HO (ENG) 3 x 1 Aliaksandr Khanin (BLR)/ Daria Trigolos (BLR)

A Confederação Brasileira de Tênis de Mesa conta com recursos da Lei Agnelo/Piva (Comitê Olímpico do Brasil e Comitê Paralímpico Brasileiro) – Lei de Incentivo Fiscal e Governo Federal – Ministério do Esporte.

Siga a CBTM nas redes sociais: 

FACEBOOK: www.facebook.com/cbtenisdemesa
TWITTER: www.twitter.com/cbtm_tm
INSTAGRAM: @cbtenisdemesa

iDigo | Assessoria de comunicação CBTM
imprensa@cbtm.org.br