LÁ FORA: Líderes do ranking levam títulos individuais do Aberto do Qatar

28/03/2016 15:48

Ma Long e Liu Shiwen conquistam os ouros masculino e feminino, respectivamente

Da redação, no Rio de Janeiro (RJ) – 28/3/2016

Líderes do ranking mundial, os chineses Ma Long e Liu Shiwen conquistaram neste domingo (27) os títulos individuais do Aberto do Qatar, etapa da série Super do Circuito Mundial 2016. O país dominou as premiações em Doha, conquistando ainda outras seis medalhas – incluindo os dois ouros dos torneios de duplas.

No individual masculino, Ma Long levou o título ao superar na decisão o compatriota Fan Zhendong (2º colocado do ranking mundial) por 4 sets a 1, parciais de 11/9, 11/9, 5/11, 13/11 e 11/5. O alemão Dimitrij Ovtcharov (5º) e o chinês Xu Xin (3º) caíram nas semifinais e levaram o bronze.

Liu Shiwen conquistou o ouro feminino após vencer a final contra a também chinesa Ding Ning (2ª) por 4 a 1 (11/8, 9/11, 11/8, 11/9 e 11/9). Zhu Yuling (3ª), da China, e Tie Yana (24ª), de Hong Kong, terminaram na terceira posição.

Os chineses também dominaram os torneios de duplas. No masculino, Fan Zhendong e Zhang Jike (4º) derrotaram os japoneses Koki Niwa (12º) e Maharu Yoshimura (19º) na decisão: 3 a 0 (11/8, 11/9 e 11/7). Os também japoneses Masataka Morizono (29º)/Yuya Oshima (21º) e os sul-coreanos Youngsik Jung (14º)/Sangsu Lee (18º) levaram o bronze.

O ouro feminino foi para as finalistas do individual, Liu Shiwen e Ding Ning. Na final, elas bateram as japonesas Ai Fukuhara (5ª)/Mima Ito (9ª) por 3 a 2, parciais de 6/11, 11/9, 11/6, 4/11 e 11/7. Feng Tianwei (6ª)/Zhou Yihan (52ª), de Cingapura, e Katarzyna Grzybowska (88ª)/Natalia Partyka (73ª), da Polônia, dividiram a terceira posição.

No sub-21, o título masculino foi para Ho Kwan Kit (74º), de Hong Kong. Na semana anterior, ele havia sido vice-campeão da categoria após a derrota na decisão do Aberto do Kuwait para o brasileiro Hugo Calderano (58º). O ouro feminino ficou com Zeng Jian (62ª), de Cingapura.

A Confederação Brasileira de Tênis de Mesa conta com recursos da Lei Agnelo/Piva (Comitê Olímpico do Brasil e Comitê Paralímpico Brasileiro) – Lei de Incentivo Fiscal e Governo Federal – Ministério do Esporte.

Siga a CBTM nas redes sociais:

FACEBOOK: www.facebook.com/TMBrasil
TWITTER: www.twitter.com/cbtm_tm
INSTAGRAM: @cbtenisdemesa

iDigo | Assessoria de comunicação CBTM
imprensa@cbtm.org.br