LUPA OLÍMPICA: A chinesa que vai tentar levar o Brasil à frente na Rio 2016

03/08/2016 19:53

Da redação, no Rio de Janeiro (RJ) - 3/8/2016

A terceira personagem da Lupa Olímpica é uma brasileira nascida na China: Lin Gui. Ela será uma das representantes do Brasil nas disputas individuais e por equipes, ao lado de Caroline Kumahara e Bruna Takahashi, nos Jogos Olímpicos Rio 2016. A atleta, que está na 139ª colocação no ranking mundial, vai para a sua segunda participação na competição - a primeira havia sido em Londres (2012).

Desde o ano passado, Lin está morando e competindo na Europa. A atleta foi chamada para jogar no Linz, da Áustria. Para a mesatenista, essa experiência em um dos melhores clubes europeus irá interferir positivamente no seu desempenho na Rio 2016.

"Essa experiência vai me ajudar bastante nos Jogos Olímpicos, porque eu estava treinando com as melhores atletas do continente. Jogar lá me ajudou a me acostumar com bolas de qualidade e a enfrentar mesatenistas de alto rendimento. Com certeza, isso vai me auxiliar a dar o meu melhor para o Brasil", disse.

E não é à toa que Lin está no clube que foi o atual vice-campeão da Europa em 2015. A talentosa atleta já conquistou resultados expressivos na carreira. Ela foi campeã por duas vezes do Campeonato Latino-Americano na disputa individual, fez parte do time que conquistou o mundial por equipes da segunda divisão, além de ter conquistado as inéditas medalhas de prata nos Jogos Panamericanos de Toronto (2015), tanto na disputa individual quanto na por equipes, ao lado de Caroline Kumahara e Ligia Silva.

Na Rio 2016, a brasileira se deu bem no sorteio e avançou direto para a primeira rodada, não precisando jogar a fase preliminar. Na sua primeira partida, ela enfrentará a espanhola Galia Dvorak, número 92 do ranking mundial. Porém, no torneio por equipes, Lin, Caroline e Bruna vão ter de encarar a China, que é a seleção mais forte do campeonato. O tênis de mesa será disputado nos Jogos, entre os dias 6 e 17 de agosto.

A Confederação Brasileira de Tênis de Mesa conta com recursos da Lei Agnelo/Piva (Comitê Olímpico do Brasil e Comitê Paralímpico Brasileiro) – Lei de Incentivo Fiscal e Governo Federal – Ministério do Esporte.

Siga a CBTM nas redes sociais:

FACEBOOK: www.facebook.com/cbtenisdemesa
TWITTER: www.twitter.com/cbtm_tm
INSTAGRAM: @cbtenisdemesa

iDigo | Assessoria de comunicação CBTM
imprensa@cbtm.org.br