LUPA OLÍMPICA: Quem são os adversários do Brasil no torneio por equipes masculino?

27/07/2016 17:45

Da redação, no Rio de Janeiro - 27/07/2016

Após o ouro por equipes no Pan-Americano do ano passado, os brasileiros terão algumas pedras no sapato para tentar repetir o feito nos Jogos Olímpicos. A nove dias do começo da disputa na Rio 2016, a série Lupa Olímpica deixa os fãs de tênis de mesa por dentro das equipes que chegam à Cidade Maravilhosa para brigar pelo lugar mais alto do pódio. Hugo Calderano (46º), Gustavo Tsuboi (64º) e Cazuo Matsumoto (80º) terão duros adversários, principalmente a legião de asiáticos. 

 
China
 
Assim como a feminina, a equipe masculina da China chega ao solo carioca como a grande favorita a levar o título. O país conta com o atual número 1 do ranking mundial, Ma Long, que é o atual campeão mundial e que faturou diversos títulos individuais recentemente. Além dele, o time tem também Zhang Jike, atual campeão olímpico e que ocupa a quarta colocação no ranking mundial. Ainda completa a seleção Xu Xin (5º). Para se ter uma ideia, o país abriu mão de ter nos Jogos Olímpicos ninguém menos que Fan Zhendong, atual segundo colocado no ranking.   
 
Alemanha
 
A Alemanha vem com um intruso entre os chineses. Quinto colocado no ranking mundial (atrás de quatro chineses), Dimitrij Ovtcharov chega tarimbado após o bronze individual em Londes (2012). Outro grande nome da equipe é Timo Boll (14º), ex-líder do ranking e que foi campeão europeu em 2012, além de terceiro colocado na Copa do Mundo de 2014. Completa a seleção Bastian Steger, 24º no ranking. Na disputa por equipes nos últimos Jogos, a Alemanha ficou com a medalha de bronze. 
 
Coreia do Sul
 
País tradicional no tênis de mesa, a Coréia do Sul ficou com a prata por equipes em Londres (2012) e chega ao Brasil liderada por Youngsik Jeoung, atual número 10 do ranking mundial. Sangsu Lee (15º), que chegou às oitavas de final do Mundial do ano passado, e Saehyuk Joo (13º), que ficou em quinto lugar na Copa do Mundo de 2012, completam o trio coreano.
 
Japão
 
Quarto colocado na Copa do Mundo de 2014 e atual sexto do ranking, Jun Mizutani é o grande destaque da seleção japonesa. Juntamente a Jun, estará Koki Niwa (19º), que chegou às oitavas de final do Mundial do ano passado, e Maharu Yoshimura (22º), que foi o campeão da etapa da Espanha do circuito mundial do ano passado.   
 
Hong Kong
 
Na Olímpiada, por escolha própria, Hong Kong, uma das regiões adminstrativas especiais da China, é representado separadamente. Atualmente, o principal nome no tênis de mesa é Wong Chun Ting (8º), que chegou às oitavas da etapa do Kuwait do circuito mundial do ano passado e é o único Top 10. Tang Peng  (16º) e Ho Kwan Kit (42º) são os outros integrantes da equipe que jogará os Jogos.

 

A Confederação Brasileira de Tênis de Mesa conta com recursos da Lei Agnelo/Piva (Comitê Olímpico do Brasil e Comitê Paralímpico Brasileiro) – Lei de Incentivo Fiscal e Governo Federal – Ministério do Esporte.

Siga a CBTM nas redes sociais:

FACEBOOK: www.facebook.com/cbtenisdemesa
TWITTER: www.twitter.com/cbtm_tm
INSTAGRAM: @cbtenisdemesa

iDigo | Assessoria de comunicação CBTM
imprensa@cbtm.org.br