Notícia

Dia dourado! Brasil vence três finais por equipes no Campeonato Sul-Americano Sub-15 e Sub-19

Mesa-tenistas do país deram um show em Lima, com títulos feminino e masculino da categoria sub-19 e feminino do sub-15

Beatriz Fiore venceu o duelo decisivo no sub-15. Foto: Santiago Regaira.

Por Nelson Ayres (Fato&Ação) – Assessoria de Imprensa CBTM

12/05/2022 10h55


Os mesa-tenistas do Brasil brilharam intensamente nesta quinta-feira (12), o terceiro dia de disputas do Campeonato Sul-Americano Sub-15 e Sub-19, em Lima, no Peru. Foram três medalhas de ouro conquistadas nos torneios de equipes: feminino e masculino sub-19 e feminino sub-15. Os meninos do sub-15 já haviam garantido o bronze no dia anterior.

A primeira equipe campeã foi a feminina sub-15, em um duelo bastante duro contra o Equador. Karina Shiray abriu a série com vitória de 3 a 0 sobre Anie Rubio (11/4, 11/6 e 12/10). As equatorianas devolveram o placar, com Angelica Arellano batendo Beatriz Fiore (6/11, 9/11 e 7/11). Mahayla Sardá voltou a colocar o Brasil na frente: 3 a 1 sobre Nohelia Ortiz (4/11, 11/8, 11/5 e 11/6. Angelica Arellano fez a sua segunda vítima: Karina Shiray, novamente por 3 a 0 (11/13, 9/11 e 12/14). E, finalmente, Beatriz Fiore fechou para as brasileiras, com vitória contra Anne Rubio, por 3 a 1 (11/6, 12/10, 8/11 e 11/8).

Logo depois, mais um título feminino, na categoria de cima. As meninas do sub-19 já haviam conquistado uma vitória durante a tarde, na semifinal contra a Colômbia, por 3 a 1. Na final, teriam as chilenas pela frente, mas não deram chances para o insucesso.

No primeiro jogo, Beatriz Kanashiro bateu Sofia Vega, por 3 a 1 (11/5, 9/11, 11/9 e 11/2). Laura Watanabe fez valer seu favoritismo diante de Macarena Reyes, sem perder sets (11/1, 11/9 e 11/5). Sabrina Miyabara fez um duelo equilibrado contra Fernanda Araneda, vencido pela chilena, por 3 a 2 (11/9, 12/14, 6/11, 11/7 e 7/11). Laura Watanabe, novamente em sets diretos, garantiu a vitória contra Sofia Vega (11/6, 11/9 e 14/12).

Os meninos do sub-19 fecharam a programação de finais da quinta-feira. Mais cedo, na semifinal, eles mostraram força ao despacharem a Venezuela, por 3 a 0. Na decisão, o duelo seria contra o Chile, da mesma forma que já havia acontecido no feminino. O placar acabou também sendo igual ao das meninas: 3 a 1.

No primeiro duelo, Leonardo Iizuka passou por Jeremias Paredes, com 3 a 0 no placar (11/9, 11/6 e 11/5). Kenzo Carmo foi superado por Eusebio Vos: 3 a 1 (8/11, 16/18, 11/7 e 7/11). Logo depois, duas vitórias brasileiras fechando a noite dourada: Henrique Noguti sobre Jean Parra, por 3 a 2 (5/11, 11/9, 11/8, 11/13 e 11/9), e Iizuka sobre Eusebio Vos, por 3 a 1 (13/11, 11/8, 7/11 e 11/9).



FATO&AÇÃO COMUNICAÇÃO

Assessoria de Imprensa da Confederação Brasileira de Tênis de Mesa (CBTM)

Atendimento: Nelson Ayres – nelson@fatoeacao.com

fatoeacaocomunicacao@gmail.com / contato@fatoeacao.com



Siga a CBTM nas redes sociais:

FACEBOOK: www.facebook.com/cbtenisdemesa

TWITTER: www.twitter.com/cbtm_tm

INSTAGRAM: www.instagram.com/cbtenisdemesa

YOUTUBE: www.youtube.com/user/TMdoBrasil

TIK TOK: www.tiktok.com/@cbtenisdemesa

Outras Notícias

Confederação Filiada

Financiada pela Lei N° 10.264/2001

Jogo Limpo

Parceiro Oficial

Patrocinadores

Apoiadores

Eventos
Calendário
Área de Filiados
Desenvolvimento
Universidade do Tênis de Mesa
Escolas de Treinadores
Escolas de Árbitros e Oficiais
Escola de Gestão
Certificações